A Fernão de Magalhães e os V séculos da circum - navegação

Em toda a gesta universal dos descobrimentos é incontornável a referência ao nome do navegador português Fernão de Magalhães. Em Setembro de 1519 Fernão de Magalhães e a sua frota zarparam de Sevilha, em Espanha, com destino ao mundo, sem “agenda”, mas com a fé e a coragem que só os heróis possuem. A sua saga universalmente reconhecida deixou no seu legado uma visão do mundo alargada e diferente do instituído até aí.

Não podendo deixar de assinalar tão importante data para o conhecimento e para a sua universalidade, o centro Qualifica do Agrupamento de Escolas Fernão de Magalhães em Chaves, mais do que uma obrigação sentiu o dever de prestar homenagem ao seu Patrono. Assim, no dia 30 de Setembro de 2019 levou a cabo a atividade “V séculos, 6 continentes uma viagem para o mundo” que decorreu na Biblioteca Municipal de Chaves perante uma audiência assídua e envolvida com o acontecimento.

O evento foi constituído por dois momentos, o primeiro composto por uma interpretação teatral do TEF (Teatro Experimental Flaviense), que representou, na essência, o périplo de Fernão de Magalhães, complementado com a intervenção do Senhor capitão tenente Ricardo Sá Granja da Marinha Portuguesa que, em janeiro de 2020, integra como oficial imediato, a 4ª volta ao mundo do navio escola Sagres e que através da sua apresentação nos deu a conhecer o papel importante do mar e da marinha na ligação de Portugal com o mundo e com a sua diáspora.

A Atividade evocativa dos V séculos de história que portugueses e espanhóis consubstanciaram numa viagem, insere-se no âmbito do Plano Nacional de Leitura LER+Qualifica e nas celebrações dos 500 anos da primeira viagem de circum-navegação.

Pode consultar as fotos da atividade clicando aqui.

Copyright © 2006-2019 Agrupamento de Escolas Fernão de Magalhães